Lavrador é preso após estuprar a própria sobrinha de 16 anos de idade | Piripiri 40 Graus | Noticias de Piripiri

Lavrador é preso após estuprar a própria sobrinha de 16 anos de idade


Após dois meses de investigação integrada da Polícia Civil e Conselho Tutelar, com apoio do Ministério Público, foi preso no final da manhã desta quinta-feira, 16 de Março de 2017, na localidade Dois Riachos, zona rural do município de José de Freitas, o lavrador Antônio Paulo dos Santos, acusado de abusar sexualmente da própria sobrinha de 16 anos de idade. Segundo informações, o caso chegou ao conhecimento do Conselho Tutelar de José de Freitas, através dos moradores da região, que desconfiaram que algo de errado aconteceu com a garota, que passou a viver isolada em um quarto da casa onde ela mora com os familiares.
Baseado nas denúncias, os conselheiros levaram o caso ao conhecimento do ministério público e da polícia civil, que juntos se empenharam nas investigações, e após a realização de exames e laudo psicológico, foi constatado que a adolescente foi abusada e durante as investigações o próprio tio foi apontado como autor do crime.
Nas primeiras horas desta quinta-feira, 16, a justiça de José de Freitas, através do Juiz Lirton Nogueira, expediu o mandado de prisão em desfavor do acusado, que foi cumprido por uma equipe da polícia civil, sob o comando do Coordenador e investigador Gilson Ferreira.
Gilson informou que Antônio Paulo reagiu de porte de um facão no momento da abordagem dos policias, mais acabou sendo dominado e preso na própria residência onde morava, próximo a casa da vítima, naquela localidade, que fica na grande região da Meruoca.
Os conselheiros Coronel Pinheiro e Emanuel Antunes, afirmaram para o JFAGORA.COM, que estão satisfeito com o resultado final das investigações, e também ter colaborado para tirar mais um estuprador do convívio da sociedade, “que isso sirva de exemplo para os demais”, declarou os conselheiros.
Antônio Paulo, já tem passagem pela polícia pela prática do mesmo crime, ocorrido alguns anos atrás, na mesma região. O lavrador está recolhido em uma das celas da delegacia de polícia local, a disposição da justiça.fonte: JFAgora.

Notícias Relacionadas

Polícia 7467858248206968980

Um comentárioDefault Comments

  1. Cadeia é pouco pra esse tipo de lixo, q não pode ser chamado de Homem

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Pesquisar

Facebook

Parceiros

item