"O que ela fez foi uma covardia", diz pai de criança morta pela mãe | Piripiri 40 Graus | Noticias de Piripiri

"O que ela fez foi uma covardia", diz pai de criança morta pela mãe


Um crime bárbaro chocou a cidade de Alto Longá, 76km de Teresina, durante o final de semana. Uma criança de apenas dois anos foi estrangulada pela própria mãe, identificada como Joana D’arc. O fato ocorreu na residência da família, na zona rural do município.
Segundo o pai da criança, o irmão da vítima de apenas cinco anos presenciou toda a cena. “O que ela fez foi uma covardia com uma criança, depois o policial perguntou e ela mesmo disse que a criança pedia ‘mamãe não me mate’, isso é doloroso. Eu amo muito meu filho, ela não aceitava o amor que eu dava para ele. Ela já tinha tentado me matar uma vez e eu falei para ela que não dava mais para a gente morar junto, disse que ela tinha que voltar para a família dela. Ela aceitou e disse que eu estava certo”, contou.

“Hoje eu ia trabalhar e não fui, sai para casa da minha avó buscar um isqueiro, deixei o meu filho assistindo televisão e quando eu cheguei em casa vi ela chorando dizendo que tinha agido assim porque ele quem tinha feito ela fazer aquilo com ele”, detalhou o pai da criança.
O Conselho Tutelar da cidade disse que estava acompanhando o caso há algumas semanas e que inclusive ia pedir para que a guarda das crianças fosse retirada do poder da mãe.
Com informações do Portal Meio Norte

Notícias Relacionadas

Polícia 5764405726018891995

Postar um comentárioDefault Comments

emo-but-icon

Pesquisar

Facebook

Parceiros

item