Exército destrói mais de 900 armas apreendidas no Piauí | Piripiri 40 Graus | Noticias de Piripiri

Exército destrói mais de 900 armas apreendidas no Piauí

O Exército inicou, nesta terça-feira (4), a destruição de armas apreendidas por órgãos de segurança dos governos federal e do Piauí. Foram 917, entre armas longas e curtas, que faziam parte de processos judiciais já transitados e julgados. 
A medida visa tirar do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI) os revólveres tomados em ações criminosas. Em breve, também deverão ser inutilizadas ar asmas que foram entregues por cidadãos na Campanha Nacional do Desarmamento.

O 25º Batalhão de Caçadores (25º BC) foi o local de recebimento e destruição das armas, processo supervisionado pela Seção de Fiscalização de Produtos Controlados. No quartel, foi realizada a primeira etapa, com a inutilização das armas.
Depois de inutilizadas, as armas de fogo serão levadas para Fortaleza (CE), onde serão destruídas em alto-forno. O tenente-coronel Nixon Frota, comandante do 25º BC, informou ao Cidadeverde.com que a primeira etapa foi concluída no início da tarde e o batalhão aguarda a definição da tada para envio do material para a capital cearense. 
Em 15 anos, o Exército Brasileiro já destruiu 3,1 milhões de armas de fogo. A ação faz parte de cooperação técnica firmada em 2011 entre o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Ministério da Justiça e Ministério da Defesa. Cidadeverde.com

Notícias Relacionadas

Polícia 4025887018208192338

Postar um comentárioDefault Comments

emo-but-icon

Pesquisar

Facebook

Parceiros

item